Governo deve arrecadar R$ 100 bi até 2027

A arrecadação fiscal do Brasil com a produção de petróleo pode saltar mais de 200% na próxima década, para cerca de R$ 100 bilhões em 2027, afirmou nesta terça-feira o diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Décio Oddone.

Ao participar de evento em São Paulo, ele disse que a maior receita será fruto do aumento da produção esperado após leilões de novas áreas e beneficiará principalmente os Estados do Rio de Janeiro e São Paulo, onde estão campos do pré-sal.

“A gente estima que no final da década de 2020, com o aumento da produção no Brasil, a arrecadação fiscal brasileira, incluindo todas participações governamentais –royalties, participações especiais e o óleo-lucro, que vai crescer agora com os contratos de Partilha de produção, chegue na casa dos R$ 100 bilhões”, afirmou Oddone.

Ele disse que no ano passado essa arrecadação foi de cerca de R$ 41 bilhões, mas desse valor quase R$ 10 bilhões foram em bônus de assinatura em leilões de novas áreas. Fonte: G1

Continue acompanhando tudo o que acontece no mercado de petróleo e gás através da Panorama Offshore e obtenha informações e notícias de qualidade sobre petróleo, gás, energias, pré-sal, biocombustíveis, combustíveis, gasolina, Petrobras e offshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br www.facebook.com/panoramaoffshore.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta