Petroleiras europeias querem investir em energia limpa no Brasil

As petroleiras europeias Royal Dutch Shell, Total e Equinor pretendem investir na produção de energia renovável no Brasil. O desenvolvimento dessas fontes aumentaria 18% a participação da matriz energética solar e eólica do País no ano de 2026.

O interesse das estatais estrangeiras se deve ao receio de encolhimento das empresas e práticas de petróleo pois, há um distanciamento da produção de combustíveis fósseis para combater as mudanças climáticas.

Recentemente, a empresa francesa Total iniciou a operação de sua primeira unidade solar brasileira no estado da Bahia com a capacidade de 25 megawatts e com 78 mil painéis. E a empresa Shell montou uma equipe de dez pessoas para avaliar projetos brasileiros de energia limpa.

O uso da energia limpa é altamente positiva para o País pois, possui baixo custo; não causa prejuízo ao meio ambiente; permite a criação de novos postos de empregos e melhora a qualidade de vida, por reduzir a emissão de dióxido de carbônico ao ecossistema.

Continue interagindo com a Panorama Offshore e obtenha informações relevantes sobre o mundo do petróleo, gás e energias. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br   www.facebook.com/panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta