Após semana de oscilação, petróleo estabiliza

Com foco na retomada de produção saudita, o petróleo estabilizou perto de US$ 64 por barril, na segunda-feira, após aumentar quase 7% na última semana. Além de ser uma consequência da tentativa de restauração mais rápida da produção petrolífera da Arábia Saudita, a elevação também ocorreu por sinais de fraqueza econômica na Europa.

O petróleo Brent subiu para US$ 64,29 por barril, às 11h30 (horário de Brasília), enquanto o petróleo bruto do oeste dos EUA (WTI) subiu 0,3%, indo para US$ 58,25. Uma fonte disse ao site da Reuters que a Arábia Saudita já havia restaurado cerca de 75% da produção petrolífera.

O atentado às reservas sauditas fez com que a região ganhasse holofotes nos últimos dias. Investidores que não estavam preocupados com o abastecimento, devido a sua dimensão, redirecionaram suas atenções para as possíveis interrupções no fornecimento de outros produtores da Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo).

Além disso, a tensão no Oriente Médio cresceu. O Pentágono, por exemplo, ordenou o envio de mais tropas americanas para região do Golfo, a fim de fortalecer as defesas aéreas e de mísseis da Arábia Saudita. Já a Grã-Bretanha acredita que o Irã tenha sido responsável pelo ataque, e vai trabalhar com os EUA e aliados europeus para uma resposta em conjunto.

Então, acompanhe o que acontece no mercado de petróleo e gás através da Panorama Offshore e obtenha informações e notícias de qualidade sobre petróleo, gás, energias, pré-sal, biocombustíveis, combustíveis, gasolina, Petrobras e offshore. Lembre-se: Seu negócio passa por aqui. Confira: www.panoramaoffshore.com.br / www.facebook.com/panoramaoffshore / @panoramaoffshore

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

7 comentários em “Após semana de oscilação, petróleo estabiliza

Deixe uma resposta