Programa de desinvestimentos da Petrobras sofrerá alterações

A Petrobras encerrou projetos que ainda não tinham contratos assinados e manteve os que já estavam em andamento, conforme determinação do Tribunal de Contas da União, noticiado pela Panorama Offshore anteriormente. Desta forma, a estatal dará continuidade a venda da Liquigás, Petroquímica Suape e Citepe, bem como de 90% da participação acionária na Nova Transportadora do Sudeste.

De acordo com estatal, em até duas semanas os projetos que integrarem a nova carteira e que estiverem aptos a iniciar fase de estruturação, serão postos em iniciação e posteriormente divulgados ao mercado.

Os projetos de desinvestimentos que devem compor a nova carteira são: cessão dos direitos de um conjunto de campos terrestres; cessão dos diretos de concessões em águas rasas nos Estados de Sergipe e Ceará; venda de fatia na BR Distribuidora; venda de direitos de concessão nos campos de Baúna e Tartaruga Verde (que teve desistência de vendas há poucos dias, conforme divulgado aqui na Panorama), além da venda de participação no Campo de Saint Malo no Golfo do México.

Segundo a Petrobras, as alterações não irão interferir no cumprimento da meta de parcerias e desinvestimentos que tem plano estratégico de US$ 21 bilhões para o biênio 2017/2018.

ACESSE AS REDES DA PANORAMA OFFSHORE:

Deixe uma resposta